Bg01.jpg

Ferramentas e locais para a criação

Aqui, vocês encontram, de forma concentrada e compartilhada, todos os endereços (links) necessário para a confecção do vídeo através do vídeo COPIÃO.

 

A sequência mais fácil é assistir o vídeo explicativo para fazer o Copião no PowerPoint (que foi feito apressadamente pela falta de tempo).

 

Depois de assistir ao vídeo (link abaixo), na hora de fazer, você verá que é mais fácil acompanhar através do passo a passo no powerpoint (que você avança etapa a etapa pelas setinhas do teclado). Você pode baixar o arquivo do powerpoint e ver no computador da sala de reunião ou de sua casa (opção mais ágil) ou assisti-lo pelo navegador sem precisar baixar (link abaixo).

 

Na hora de criar o copião, você pode ter dois arquivos abertos no powerpoint: um para ver  passo a passo e outro para criar o copião propriamente dito.

Construindo o Vídeo

 
Assistindo o Copião 01

tempo de exibição 
38 seg

Sem precisar ler...

pode ler ouvindo...

tempo de 02 mim

00:00 / 01:54

Assim, olhando a resposta dos formulários e o trabalho compilado por vocês, em meio a tantas necessidades que enfrentam, só podemos priorizar o que foi construído por todos! Tanto na Intenção como na Ação.

 

O Potencial Criativo e o Espírito de Equipe são ferramentas que podem produzir crescimento pessoal como coletivo. Este crescimento  possibilitará novas oportunidades, beneficiando também o próprio Abrigo. Assim, propomos fazer deste Projeto de Vídeo uma pequena produção de Conteúdo (um dos temas mais procurados em períodos de mudanças)...

 

Explicando melhor:

Vemos, atualmente, uma busca por relacionamentos funcionais mais consistentes, baseados em valores de Troca, de modo que pessoas, empresas e colaboradores estão tendo que se recriar... (um processo natural do Ser).

 

O isolamento social, resultante da pandemia, trouxe à população uma certa descrença no que é exibido nos canais que, até pouco tempo, totalizavam a informação.

 

Tudo mudando… os bancos, as escolas… os terapeutas (atendendo online)… decisões políticas e sociais sendo tomadas pelo ZOOM, Google Meet, etc. Microempreendedores estão buscando soluções por meio da web para se manterem.

 

A Rede tem servido à população com seus mecanismos gratuitos, dando a todos inúmeros recursos por meio de suas plataformas, programas de edições e todo um mecanismo educacional (como lives no Youtube), onde você pode colaborar expondo o seu conhecimento ou aprendendo com o conteúdo de outro profissional.

Logo, o nosso projeto não deve ser encarado com um olhar tão simplista, precisamos “tocar as pessoas” por meio do vídeo, mostrando que a pandemia não afetou o nosso lado criador e dinâmico.

 

"- Apesar dos desafios, nós do Lar Abrigo Amor a Jesus, juntamente com os nossos idosos, continuamos trabalhando e acreditando na importância da existência do que estamos fazendo nesta instituição" - Silvia

Sem precisar ler...

pode ler ouvindo...

tempo de 1:30 mim

00:00 / 01:37

Voltando ao vídeo, na proposta de vocês: 

 

..."na intenção de chamar a atenção e já tocar".

Concordamos totalmente e acrescentamos mais um trechinho, para mostrar que temos ainda poucos vídeos...  A solução de preencher as muitas lacunas com fotos não funciona num vídeo para a rede - é uma solução amorosa com os parentes mas não é do interesse geral dos destinatários de uma rede maior como a web. 

 

O vídeo deve contar uma estória que sensibilize (nossos destinatários, a princípio, não conhecem os idosos). O movimento de tomadas inusitadas, puras, é o que toca mais. Algumas fotos sim... Porém, SlideShow como vídeo - só serviria a quem conhecesse o idoso - o que nos leva à compreensão de que precisamos fazer outras filmagens. 

 

Para "tocar" os destinatários precisamos de mais algumas gravações... São os momentos de alma do Abrigo, que vocês vivem diariamente, mas que precisam ser "registrados", o que sabemos ser impossível para vocês sozinhas. 

 

Esses momentos existem quando trabalhamos e conseguimos filmar o trabalho, o que é super-difícil para vocês, por estarem sós. É necessário que a terapeuta esteja conduzindo seu trabalho e outra pessoa filmando. Ou usando um tripé. Esses são os caminhos existentes.

Temos também que repensar no envio das Fotos. Para novas fotos tiradas, elas devem ser colocadas no Google Drive, do celular. Nessa página vamos ensinar, em um outro videozinho. É bem simples! Aguardem... e também assim poderão colocar os Vídeos!

 

Temos que pedir desculpas, por não ter ensinado isso a vocês antes, mas nos esquecemos disso...

Proposta

uma ralação feliz

Para finalizar, vamos aos vídeos da Fisioterapia, dos idosos em Grupo realizando os movimentos em fila... Mostram, neste momento, uma verdadeira procissão de idosos com mais liberdade e integração, podendo ser filmado ao som da música Tema. Momento muito feliz que pode aquecer corações de qualquer grande cidade...

Maravilhas podem sair dali. Dinâmicas, cenas de beleza que podem tocar. Infelizmente precisa de nova gravação. E também precisa do Leo ou da Karine aparecendo, conduzindo... Mais ainda; a música de fundo com o amplificador tocando, de preferência, na música Tema! Gravar com a máquina da Carol ou o celular da Tayane, na Horizontal. 

• como filmar nós explicamos por WhatsApp • 

Avaliação de Vocês 

Esse é o momento mais importante de nosso trabalho!

Quando buscamos, dentro de nós mesmos, expressar  as escolhas de nossos Caminhos no Trabalho, nos Relacionamentos, em tudo que vivemos. Os caminhos criativos pedem, diferente de outros, avaliação e melhoria todo o tempo.

 

Assim, os aplicativos melhoram com a avaliação de seus usuários, os vídeos, os sites, os serviços que eles prestam... Avaliar não tem aqui o senso competitivo como nas atividades normais da personalidade. Aqui o senso é de FUNCIONAR para os destinatários da Rede, que assistirão, devendo "tocar" como foi dito.

Usamos o recurso do formulário pois ele compila as respostas e entrega uma visualização das mais perfeitas... Dele a Escola, as Empresas modernas estão se servindo e, já utilizam em Recursos Humanos, na Comunidade Científica, etc...

Assim, podemos melhor conhecer vocês (à distância) andar mais junto.
Ps: Sempre lembramos que resultado será sigiloso.

Entre clicando aqui...

 

Avaliando o Áudio

De agora em diante precisaremos bem mais comunicação com a Equipe para poder avançar na Edição

pode ler ouvindo...

tempo de 02 mim

00:00 / 02:03

Construído o Roteiro, estamos numa importante fase de buscar compreender e sentir, para poder expressar o que produziram, agora em linguagem de Vídeo.  Junto a isso, é essencial a trilha base do áudio: a música!

 

Retrabalhamos o áudio da Silvia, buscando aproveitá-lo. Foi uma interpretação de sentimento, que realmente move! Infelizmente, nesse essencial elemento que toca nossa estória, ela fez tudo a sós, com os recursos que tinha em sua casa... No Abrigo não houve uma gravação, com dois celulares e um lapela para criá-lo. O grupo não fez em conjunto, como o Copião ou o Roteiro.

Essa trilha é a força motivadora para quem assiste; até mais que as imagens. Todos conhecem...
Ela costura sentimentos preexistentes nos destinatários que assistirão ao vídeo!

Logo, dividindo responsabilidades, precisamos que vocês vejam, aprovem ou não o resultado, pois disso dependemos para continuar. No Conteúdo Criativo, a última palavra é de vocês que vivenciam e lidam com os idosos (a chama do conhecimento aparece, naturalmente, a quem se dá a trabalhar).
 

Desse modo, segue um breve formulário para cada uma que participou da criação dar sua opinião e indicar sua participação no trabalho. Assim, poderemos saber a quem recorrer para pedir ajuda e orientação, pois nessa fase agora, precisaremos de contatos mais frequentes, que faremos por vídeo ou pelo Google Meet (este pode ser até pelo celular que funciona), conforme a necessidade. 

Nota: o formulário será individual e sigiloso.
Essencial para nos situarmos melhor na distância do Abrigo,
conhecer o que vocês têm feito e pretendem no trabalho e, o mais importante: 
ver se ele está servindo ao propósito de buscar trabalhar criativamente em Equipe.

 

Aqui, a capacidade individual só ganha sentido, se for aplicada ao Grupo, na Criação de um Bem Comum. Aguardamos um formulário sincero, pelo bem da construção que podemos fazer face ao futuro, em nosso presente: 

Criar em Equipe, remotamente. Um desafio da atualidade para todos nós...

01

Música sem tratamento
00:00 / 03:57

Ouça as duas integralmente, com o fone de seu celular e responda abaixo, no Formulário (bem curto)

02

Música com tratamento
00:00 / 03:57

Nossa avaliação tem base no destinatário que assistirá ao vídeo e, através dele, sentirá o Abrigo, tendo já uma feliz relação com essa música do Gonzaguinha... Se possível fosse, o ideal seria vocês dedicarem um tempo/trabalho, para regravar com duas fontes de gravação separadas. Como o gravador da Silvia vem do celular (possui um controle automático de volume), ele aumentou o volume do violão e diminuiu a voz: ao ponto de não conseguirmos repor a maviosidade vocal que é o centro-guia do movimento interno do vídeo, no destinatário - é a Voz Soprano! Ela nos chama à Sensibilidade e permite focar a percepção no idoso como Beleza!

 

Para um vídeo ser assistido todo, e com gosto, é preciso que o destinatário seja Sensibilizado... É essa Voz que faz a função de trazer o destinatário ao Abrigo e querer ver/viver momentos da beleza interior do ser. Uma Voz bem trabalhada, sobrevoando tudo... (na gravação atual o que prepondera é o violão...)

Porém, as condições atuais são difíceis a todos na execução das tarefas, daí colocamos ao Grupo, para que o mesmo possa conversar e buscar solução, dentro das possibilidade reais. De nossa parte gostaríamos que, se possível, vocês regravassem com a Silvia, dando todo apoio para que ela, que já deu o seu máximo no gravar e cantar (tendo feito a maior produção em casa), conseguisse um resultado melhor, mais límpido, com o som do violão controlável na edição.

 

Tudo isso em base de reais possibilidades de vocês. Caso seja impossível, fazemos com um dos dois acima. Vejam e respondam no formulário. Assim estaremos saindo de nós mesmos e servindo não a alguém, mas a um Sentido maior - servindo a um propósito que não só melhorará o vídeo, mas também a nós mesmos como ser coletivo, e assim, mais preenchidos...